Arquivo diário: 16/06/2022

Cátedra UNESCO/UCB em parceria com a Escola da Ponte



No dia 15 de junho, o Prof. Geraldo Caliman, Coordenador da Cátedra UNESCO de Juventude, Educação e Sociedade visitou a conhecida Escola da Ponte. A escola situa-se no Conselho de Santo Tirso (Município de Santo Tirso), na Região de Porto, Portugal. Foi dado inicio à assinatura de uma parceria formal com a Escola, através de sua mantenedora, a Câmara Municipal local. A intenção é de que Cátedra e Escola se integrem em rede atuando em comum alguns objetivos inspirados nas orientações da UNESCO e nos objetivos da Cátedra, particularmente no campo da pesquisa em educação.

A Escola da Ponte caracteriza-se por um Projeto Pedagógico característico e diferenciado. É uma instituição pública de ensino, localizada em Vila das Aves e São Tomé de Negrelos, em Santo Tirso, no Distrito do Porto, em Portugal, que proporciona aprendizagens a alunos do 1.º e 2.º Ciclo, dos 5 aos 14 anos, entre o 1.º e o 9.º ano, cujo método de ensino se baseia nas chamadas Escolas democráticas e numa educação inclusiva. Assim como será igualmente a primeira escola, no contexto histórico mundial, a exercer a chamada educação integral. É a instituição de ensino que Rubem Alves se refere, em 2001, descrevendo-a no seu livro “A Escola com que Sempre Sonhei sem Imaginar que Pudesse Existir”.

Faz parte integrante do chamado Movimento da Escola Moderna (MEM) alicerçado nas ideias pedagógicas do francês Célestin Freinet, e em 2002 era considerado, pelo presidente do referido movimento em Portugal, o único exemplo acabado dos seus princípios que são “uma escola democrática, para todos, em que se dá protagonismo ao aluno”. Assim como segue igualmente muito do pensamento apresentado pelo brasileiro Paulo Freire.